Home Notícias Associação de montadores e editores aprova estatuto

Associação de montadores e editores aprova estatuto

Na tarde desse último domingo, 11 de dezembro de 2011, diversos profissionais cariocas se reuniram para dar um passo significativo para a criação da primeira associação de profissionais de edição e montagem do Brasil.

Na reunião, com a presença de 21 colegas que representam quase 400 profissionais participantes do movimento através de redes sociais, foi discutido e aprovado o estatuto da futura associação, que deverá ser fundada em fevereiro de 2012.

Consta no texto que associação terá como objetivos sociais promover:

“I – a união, organização, valorização e defesa do oficio do montador/editor e de assistente, visando o desenvolvimento técnico e artístico da categoria;

II – o estímulo e a promoção do desenvolvimento da teoria e da prática na formação profissional do editor/montador e assistente, através de publicações, debates, palestras, seminários, cursos e outros eventos;

III – promoção do intercâmbio informativo com outras associações, sindicatos, produtoras de audiovisual, emissoras de televisão e entidades afins;

IV – defesa, em juízo ou fora dele, dos interesses de seus associados, desde que tais interesses possam ser caracterizados como coletivos ou difusos e possam acarretar benefícios diretos ou indiretos aos demais profissionais;”

Também, segundo o estatuto aprovado, a associação terá sete categorias de associados:

“I – Efetivos: aqueles que comprovadamente tenham mais de 5 anos de atividade no campo da edição/montagem;

II – Aspirantes: aqueles que comprovem o exercício das atividades de montagem/edição;

III – Estudantes: aqueles maiores de dezoito anos que comprovem anualmente por documento hábil sua condição de estudante;

IV – Mantenedores: pessoas físicas ou jurídicas que fizerem contribuições financeiras anuais em valores de tal forma que justifique a Diretoria Executiva indicá-los para esta categoria, com aprovação do Conselho de Administração;

V – Patrocinadores: pessoas físicas ou jurídicas que tenham contribuído financeiramente com os eventos promovidos pela EMA de tal forma que justifique a Diretoria Executiva indicá-los para esta categoria, com aprovação do Conselho de Administração;

VI – Beneméritos: aqueles que tenham prestado relevantes serviços de Montagem/Edição à cinematografia nacional de tal forma que justifique a Diretoria Executiva indicá-los para esta categoria, com aprovação da Assembléia Geral;

VII – Remidos: os associados que completarem 25 anos de pagamento integral e ininterrupto das mensalidades e taxas de manutenção;”

O movimento começa pelo Rio de Janeiro, mas existe a intenção de estimular e exportar o modelo da associação para outros estados que tenham condições de se somar a essa missão de contribuir para melhores condições de trabalho e desenvolvimento profissional dos editores e montadores de todo o país.

Os próximos passos visam a viabilização da reunião fundação da associação, com o registro oficial da entidade e a eleição da sua primeira diretoria, que terá Presidente, Vice-presidente, 1º Tesoureiro, 2º Tesoureiro, Secretário-geral, e 3 membros do Conselho Fiscal.

A partir daí, a associação está aberta para receber novos associados, que se juntarão aos associados-fundadores que participarem da reunião de fundação. Em seguida, a associação criará um site próprio e dará início aos trabalhos, se apresentando ao mercado como representante da classe e começando a buscar formas de cumprir seus objetivos sociais.

Se você é profissional ou estudante da área, e deseja se juntar ao movimento, fique ligado nos desdobramentos que estão por vir. Seus organizadores estão conscientes de que o mercado de audiovisual está em expansão, e de que não poderia haver momento mais propício para essa iniciativa. A idéia é que associação seja inclusiva, permitindo a participação de todos aqueles que estejam habilitados para tal e queiram se juntar aos fundadores, para tornar essa profissão cada vez mais forte e valorizada no Brasil.

Gostou do artigo ?

Inscreva-se em nossa Newsletter para receber as atualizações do VideoGuru.

Artigos relacionados
0 2257

Conforme prometido pela empresa no início do ano, a Avid anunciou em comunicado oficial uma programação para regularizar a prestação de contas de seus demonstrativos financeiros referentes à anos fiscais passados. A não entrega desses relatórios financeiros foi o que...
1 1448

Em um evento especial com transmissão online diretamente de Nova Iorque, a Adobe lançou o que está chamando de Creative Cloud 2014, um novo pacote de software que inclui versões inteiramente novas de 14 programas de computador, entre os quais, os mais importantes...
10 comentários Nesse post
  1. Amigos, antes de mais nada, meus parabéns pela excelente iniciativa. Sou profissional a mais de 10 anos na função e essa é a primeira vez que vejo uma atitude tão louvável em nosso meio. Uma lástima não haver acontecido em São Paulo, porém me prontifíco desde já para que se estenda essa associação. Ou que me associem independente da distâcia. Abraço a todos!

  2. Aprovo a iniciativa e gostaria de ser informado sobre as proximas reuniões. Sou editor/montador há 20 anos e sempre lutei pela criação de uma associação profissional. Estou morando no Rio há pouco tempo e faço parte de um grupo de discussão no facebook chamado “associação dos editores e finalizadores de cine e video”e senti muito não ficar sabendo da reunião de vcs. Abs e boa sorte!

    • Edson, conheço o movimento a que você se refere. Acredito que deveria haver um diálogo entre os organizadores das duas iniciativas, quem sabe, no sentido de haver uma união ou colaboração mútua.

      • João, o grupo “Associação dos Editores e Finalizadores de Cine e Video”, https://www.facebook.com/groups/assef/ foi aberto no dia 2 deste mês, pelo Daniel Manguinha e por mim ,que adimistro junto com o Tony Tiger.O grupo tem por finalidade juntar idéias e sugestões para encontrar a melhor forma de organizar a categoria de editores e finalizadores, pois em SP, não sei como funciona no Rio, os montadores estão mais ligados ao Sindcine, e os editores, os de tv, ao Sinrad. A nossa idéia principal é a formação de uma Associação Profissional dos Editores e Finalizadores de Cine e Video, desvinculada de qualquer sindicato existente na atual estrutura sindical e q nos represente no meio dessa variedade de funções que os editores realizam hoje nessa selva digital…rs. Essa idéia vem amadurecendo há pelo menos 5 anos entre um grupo de editores com os quais eu convivi em São Paulo, mas nunca saiu do campo das idéias. Mudei-me para o Rio, e a conversa agora é pela internet, o grupo no FB tenta ampliar essa discussão e dar o passo seguinte, que pelo q percebi nessa matéria, vocês acabaram de dar. Parabens! Com certeza gostariamos de travar dialogo com vcs, atraves da rede e pessoalmente, pois como disse antes, moro e trabalho no Rio. Por favor envie-me por seus contatos por email para egcavalcante@hotmail​.com para q possamos nos falar. Abraços e parabens a todos vocês que tiveram a coragem desse passo fundamental. Espero vê-los, na rede e, pricipalmente, pessoalmente.

        • Olá, Edson. A situação no Rio não é tão distinta da de São Paulo, e os objetivos dos dois movimentos tambem me parecem semelhantes. Acho que vale um esforço para unir as ações e, quem sabe, juntos, construir algo mais forte. Eu ou algum outro organizador vai fazer contato com você. O Tony nos é proximo atraves da nossa rede social no Facebook. Talvez ele possa ajudar nessa intermediação. Abs

    • Olá Marcos,

      Você pode entrar em contato com a associação através do grupo que ela mantém no Facebook. O endereço é http://www.facebook.com/groups/montadores/.

      Eu não posso falar em nome da associação, mas creio que cabe um esclarecimento para pessoas como no seu caso, que são de outros estados. Até onde eu sei, o estatuto não estabelece a abrangência da associação. Diz que trata-se de uma associação civil com sede e foro na cidade do Rio de Janeiro, mas não há no texto nenhum impedimento de filiação para profissionais residentes em outros estados.

      De fato, sinto que ninguém quer dar o passo maior do que as pernas no sentido de crescer muito logo no começo, mas existe sim a ideia de incentivar o movimento em outros estados. Só ainda não está claro de que forma isso será conduzido.

      Uma possibilidade seria exportar o modelo e construir, no futuro, se possível, uma entidade nacional agrupando as regionais. Pessoalmente, imagino que também haja outras formas de fazer a coisa crescer a partir do Rio para uma organização abrangendo todo o país, quem sabe com filiais ou até delegados regionais para cidades com quantidades menores de membros. Isso precisará ser estudado.

      Por outro lado, é preciso esclarecer que, como a sede será no Rio, o trabalho da diretoria e as assembléias ocorrerão nessa cidade. O mesmo deve acontecer com a maioria dos eventos. Mas se você quer participar e está habilitado para isso, faça contato e procure saber como isso pode se dar.

  3. Meus parabéns por essa iniciativa, espero que chegue a todos os estados e principalmente a Palmas do Tocantins. Precisamos de representantes fortes e que nos compreendam. Por favor me coloquem em sua lista de contatos e me enviem qualquer novidade. Obrigado.

Deixa seu comentário

GALERIA

1 5232

A interação entre ação viva e animação tem sido explorada ao longo da história do cinema, com muitos exemplos dos estúdios Disney e o inesquecível "Uma Cilada para Roger Rabbit", dirigido por Robert Zemeckis. O resultado, em geral, é estimulante. Pensando bem, a idéia...
8 5718

Esse vídeo fantástico, feito na Rússia para o lançamento de um projeto imobiliário, foge totalmente dos padrões tradicionais e utiliza a fantasia, com imagens incríveis, no lugar do uso tradicional de plantas e animações dos prédios em computação gráfica....
1 6368

Há algum tempo, publicamos um post com um vídeo do editor Piu Gomes, criado para responder a essa pergunta essencial para quem quer entender a linguagem audiovisual: o que é montagem? Também publicamos, há mais tempo ainda, outro post chamado...