Home Notícias Outros Atualização do Logic Pro X avança na integração com o Final Cut...

Atualização do Logic Pro X avança na integração com o Final Cut Pro X

A Apple acaba de lançar mais uma atualização do Logic Pro X, software para finalização de áudio e criação musical. A versão 10.0.7 é, sem dúvida alguma, um update de peso, com mais de 300 novos recursos e correções de problemas.

O suporte para 24 threads de processamento simultâneo nos novos Mac Pro 12-core se destaca entre os recursos acrescentados pela atualização. Mas, para nós aqui do VideoGuru, chamou mais atenção a implementação de melhorias no suporte ao Final Cut Pro X.

A evolução da integração entre o Logic Pro X e o FCPX promete viabilizar um fluxo de trabalho excepcional para a finalização de áudio, como alternativa ao ProTools, o programa preferido para esse tipo de tarefa entre os profissionais de edição de som e mixagem para cinema e vídeo.

Conheça as melhorias do Logic Pro X 10.0.7 relacionadas com o Final Cut Pro X:

• Quando o Logic importa arquivos Final Cut Pro X XML, agora organiza as faixas de áudio de acordo com os “roles” atribuídos aos clipes no Final Cut Pro.

• O áudio é agora exportado como 24-bit em projetos exportados para o Final Cut Pro X XML.

• Ao importar arquivos XML que contêm vários projetos do Final Cut Pro X 10.1 ou posterior, o Logic Pro X agora oferece uma caixa de diálogo para escolher um projeto específico para importar.

• Ao importar um arquivo Final Cut Pro X XML que contém apenas áudio, o Logic Pro X agora mantém a cadência correta.

• A automação de Pan nos projetos importados via Final Cut Pro X XML funciona novamente como esperado.

• O Logic já não mostra um erro “One or more audio files have changed in length” ao importar um arquivo Final Cut Pro X XML onde a contagem de tempo não inicia em zero.

• O Logic agora mantém corretamente áudio sobrepostos em projetos importados via Final Cut Pro X XML.

A melhoria mais importante dessa leva, claramente, é a organização das faixas de áudio na timeline do Logic pelos “roles” dos clipes utilizados no projeto do FCPX. O recurso de “Roles”, que poucos conhecem, permite atribuir tags de categorias de função narrativa aos clipes de áudio e vídeo.

No caso do áudio, existem roles atribuídos automaticamente aos arquivos importados, baseados numa interpretação prévia de suas características, e que correspondem às categorias clássicas de um desenho de som: falas (Dialogue), ruídos e efeitos sonoros (Effects), e música (Music).

O editor pode alterar essa atribuição para cada clip e até mesmo criar novos roles e sub-roles. Por exemplo, podemos criar sub-roles de fala para diferentes personagens, classes de ruídos, etc.

Todo esse trabalho, a partir de agora, repercute diretamente na timeline do Logic, fazendo com que o editor de som tenha uma forma de trabalhar por trilha de maneira organizada pelas categorias de roles usada pelo editor de vídeo.

Dos testes iniciais que fiz, fica a impressão de que o recurso, para funcionar, tem que ser muito bem planejado na edição, com um trabalho cuidadoso de atribuição de sub-clipes, porque quando muitos clipes de áudio simultâneos têm um mesmo role genérico, sua distribuição na timeline do Logic acaba ocorrendo de modo aleatório.

LPX_10.0.7

Veja como a timeline do Logic Pro X fica organizada por Roles (clique para ampliar).

Aparentemente, ainda existem outros problemas sérios a resolver na implementação da integração entre os programas. Notei que alguns clipes são estranhamente segmentados e distribuídos em trilhas diferentes também de forma aleatória, e a imagem do projeto não pôde ser exibida no painel de preview na interface do Logic.

Seriam necessários testes mais controlados e aprofundados para entender em que medida, com essa nova versão do programa de áudio, a integração Logic-FCPX estaria pronta para o uso profissional em um trabalho de edição de vídeo. Mas acredito que a melhor notícia desse avanço do Logic para os editores de FCPX está numa espécie de sinalização de que a Apple pode estar finalmente próxima de trazer ferramentas de mixagem robustas para o seu programa de edição de vídeo.

De que forma isso poderia ser feito? O Logic mostrou o caminho. Bastaria criar um modo de visualização da timeline dos projetos do FCPX por Roles (ao menos para os clipes de áudio), com um painel flutuante de mixer com automatização por sliders virtuais. Temporariamente, nesse modo, a timeline voltaria a ser exibida e organizada por trilhas, ainda que respeitando a estrutura básica de conexões da timeline magnética.

De certo modo, a solução de organização de material em trilhas por roles faz muito mais sentido e pode oferecer um fluxo mais eficiente do que a distribuição por trilhas numeradas como ocorre nos outros programas de edição de vídeo. Seria necessário apenas observar a necessidade de um fluxo de trabalho disciplinado de atribuição de roles antes ou durante a edição. Os roles também poderiam ser melhorados nessa visualização, com cores diferentes e outros recursos, por exemplo.

Em vários outros artigos meus aqui no blog, já defendi essa implementação, a exemplo de outros autores, como Philip Hodgets. Com isso feito, os editores de vídeo poderiam não apenas trabalhar adequadamente com a finalização de áudio no FCPX, como também deixar o material de áudio de um projeto totalmente preparado para ter sequência num programa de finalização de áudio mais poderoso, que seria o Logic Pro X, claro.

Bem, como eu disse anteriormente, essa versão nova do Logic Pro X mostrou o caminho e pode mesmo ser um indício do que vem por aí. Aguardemos, pois, a próxima atualização do FCPX para ver como a Apple vai seguir com esse tema, torcendo também para que o FCPX e Logic continuem sendo trabalhados para se entenderem cada vez mais e melhor.

Gostou do artigo ?

Inscreva-se em nossa Newsletter para receber as atualizações do VideoGuru.

Artigos relacionados
0 2127

Conforme prometido pela empresa no início do ano, a Avid anunciou em comunicado oficial uma programação para regularizar a prestação de contas de seus demonstrativos financeiros referentes à anos fiscais passados. A não entrega desses relatórios financeiros foi o que...
0 1919

O modelo tradicional de negócios dos grandes fabricantes de equipamento broadcast parece não funcionar mais nos tempos modernos. E, por isso, muitos deles correm sério risco de fechar as portas ou serem comprados por outras empresas. O que, aliás, já...

Deixa seu comentário

GALERIA

1 4973

A interação entre ação viva e animação tem sido explorada ao longo da história do cinema, com muitos exemplos dos estúdios Disney e o inesquecível "Uma Cilada para Roger Rabbit", dirigido por Robert Zemeckis. O resultado, em geral, é estimulante. Pensando bem, a idéia...
8 5438

Esse vídeo fantástico, feito na Rússia para o lançamento de um projeto imobiliário, foge totalmente dos padrões tradicionais e utiliza a fantasia, com imagens incríveis, no lugar do uso tradicional de plantas e animações dos prédios em computação gráfica....
1 6078

Há algum tempo, publicamos um post com um vídeo do editor Piu Gomes, criado para responder a essa pergunta essencial para quem quer entender a linguagem audiovisual: o que é montagem? Também publicamos, há mais tempo ainda, outro post chamado...