Home Notícias Color Grading Blackmagic Design lança DaVinci Resolve 11

Blackmagic Design lança DaVinci Resolve 11

A Blackmagic Design disponibilizou hoje a versão final do DaVinci Resolve 11. Duas versões beta públicas ficaram disponíveis por um tempo para testes antes desse lançamento.

A versão 11 do programa ampliou bastante as funções de edição online e trouxe diversas outras melhorias. Uma das minhas preferidas é o cache inteligente baseado em nodes. Se antes alguma coisa não tocava em tempo real (principalmente redução de ruídos na versão Full), o programa fazia o render do cache de todo o clipe, independente do que causava a lentidão. Agora o render só é calculado em cima do efeito que realmente necessita, e outras mudanças podem ser feitas sem que o cache tenha que ser refeito.

Além disso, por ser inteligente, o render do cache é muito mais rápido e o funcionamento é semelhante ao do render do Final Cut Pro X. Ou seja, se o usuário ficar um tempo sem fazer nada o render é acionado automaticamente.

Outra coisa que melhorou bastante no programa foi o uso de dois monitores para a interface. Até a versão 10 a interface só funcionava em um monitor e o máximo que se conseguia fazer era colocar os scopes no segundo monitor. Mesmo assim, sem preencher a tela inteira.

Na parte de correção de cor e color grading, o novo recurso ColorMatch permite um ajuste muito rápido da cor filmada se a equipe de fotografia utilizar uma das cartelas de cor suportadas pelo programa. Aí basta enquadrar a cartela de cor que o Resolve faz automaticamente o acerto das cores básicas, dando um excelente ponto de partida para o colorista.

Só na parte de edição são mais de 70 novos recursos oriundos da colaboração com vários editores profissionais. Os recursos da família de trims e rolls, por exemplo, mudam automaticamente de acordo com a necessidade do usuário, assim como acontece com o FCPX. E novos atalhos de teclado agilizam bastante o processo da edição em geral. Falando em Final Cut Pro X, a integração com o XML da versão 10.2.1 melhorou muito. Se antes era bem primária, agora permite que o projeto apareça perfeitamente na seção de edição do Resolve, com a maioria das funções suportadas.

E como a Blackmagic vive na vanguarda, o recém lançado codec Apple ProRes 4444XQ já é suportado pelo programa para garantir uma maior latitude na correção de cores.

As novas ferramentas de fluxo de trabalho colaborativo do DaVinci Resolve 11 permitem que um editor e vários coloristas trabalhem em diferentes computadores, compartilhando a mesma timeline e trabalhando em conjunto enquanto completam os clipes. Por exemplo, um colorista pode trabalhar na correção de cor ou tracking de máscaras enquanto outro colorista faz ajustes finos que são imediatamente atualizados, ao mesmo tempo em que o editor edita. Cada usuário pode ver a atualização da timeline para que todos continuem trabalhando no mesmo projeto, simultaneamente. Compartilhar a timeline torna muito mais fácil para as equipes criativas permanecer em sincronia e trabalhar mais rápido em projetos complexos, tais como filmes e programas de televisão.

Os novos recursos de correção de cor incluem novas funções para trabalho em RAW. Os controles foram ampliados tanto para as câmeras da própria Blackmagic como para outras câmeras que trabalham em RAW como a Sony F55 e a ARRI Alexa, entre outras. Recursos familiares para fotógrafos still que trabalham em RAW foram implementados no programa, oferecendo controle avançado sobre as imagens para que possamos tirar o máximo de detalhes de imagens de banda dinâmica elevada, em tempo real.

Com a crescente popularização de câmeras que gravam imagens em arquivos armazenados em cartões, o novo DaVinci Resolve agora oferece um recurso de clonagem de cartões muito interessante, pois permite fazer backups do material filmado com verificação de redundância, bit a bit. Esse recurso também está disponível na versão Lite, gratuita, e é perfeito para ser instalado em um laptop e utilizado no set de filmagem.

A nova versão também foi otimizada para uso com sistemas gráficos Open CL, não exigindo mais que o computador tenha uma placa CUDA. Isso foi feito, em grande parte, para tirar proveito das placas gráficas dos novos Mac Pro. Eu testei o programa em um Mac Pro com duas FirePro D700 e a performance é excelente.

A versão Full 11 do DaVinci Resolve é um upgrade gratuito para qualquer usuário que tenha um dongle, inclusive os fornecidos com as câmeras BMCC e BMPC.   A versão Lite continua gratuita. Para baixar o programa, acesse a página correspondente da Blackmagic Design clicando aqui.

Gostou do artigo ?

Inscreva-se em nossa Newsletter para receber as atualizações do VideoGuru.

Artigos relacionados

Foi-se o tempo em que o colorista precisava investir em uma placa Red Rocket de vários milhares de dólares apenas para poder trabalhar com material das câmeras RED. Agora, com um novo SDK que utiliza a GPU para fazer...

A Blackmagic Design, continuando sua tradição de lançar updates frequentes, disponibilizou a versão mais recente do DaVinci Resolve com diversos novos recursos. O novo DaVinci Resolve 10.1 adiciona recursos de edição inovadores, principalmente para um programa cuja...
4 comentários Nesse post
  1. Salve Paulo,

    Excelente notícia. Eu tava contando os dias pra lançarem a versão final. Como você havia indicado baixei a versão 11 beta e fiquei mais fascinado com o programa, como quando o conheci na versão 8. Só pra constar, de fato os problemas com round trip Davinci/FCP X sumiram.

    Muito grato pela atenção e parabéns pelo site.

Deixa seu comentário

GALERIA

1 4979

A interação entre ação viva e animação tem sido explorada ao longo da história do cinema, com muitos exemplos dos estúdios Disney e o inesquecível "Uma Cilada para Roger Rabbit", dirigido por Robert Zemeckis. O resultado, em geral, é estimulante. Pensando bem, a idéia...
8 5443

Esse vídeo fantástico, feito na Rússia para o lançamento de um projeto imobiliário, foge totalmente dos padrões tradicionais e utiliza a fantasia, com imagens incríveis, no lugar do uso tradicional de plantas e animações dos prédios em computação gráfica....
1 6082

Há algum tempo, publicamos um post com um vídeo do editor Piu Gomes, criado para responder a essa pergunta essencial para quem quer entender a linguagem audiovisual: o que é montagem? Também publicamos, há mais tempo ainda, outro post chamado...