Home Tutoriais Final Cut Pro X Cinco vezes Final Cut Pro X

Cinco vezes Final Cut Pro X

Para os que curtem o novo programa de edição da Apple, trazemos novos excelentes tutoriais sobre o Final Cut Pro X em um super post combo, com cinco tutoriais de uma só vez.

Os tutoriais são apresentados pela dupla de gurus Steve Martin e Mark Spencer, do site Ripple Training, que generosamente os publicam toda a semana no Youtube. Definitivamente, no treinamento para esse aplicativos, eles estão entre os melhores.

Pela qualidade e por serem gratuitos, mesmo sendo falados em inglês, achamos válido reproduzir esse valioso material no Videoguru. Fazendo assim, concentramos o conteúdo e facilitamos a pesquisa de técnicas para nós mesmos e para os nossos leitores.

Sempre procuramos fazer uma boa introdução dos tutoriais em português, para ajudar a situar os leitores e dar-lhes a oportunidade de filtrar os tutoriais para assistir o material com tema exato em que estão buscando se aprimorar.

Então, passemos aos tutoriais desse post, todos sobre o FCPX, com assuntos que vão do uso de arquivos Photoshop, efeitos Ken Burns, uso de Multicam Clips em clipes musicais, à estratégias para organização dos clpes no painel Event Browser.

• • •

No primeiro tutorial, Steve Martin mostra uma interessante técnica para converter arquivos RAW em arquivos .psd, traze-los para o FCPX, para, em seguida, fazer alterações não destrutivas das imagens originais no Photoshop, com atualizações automáticas dessas mudanças no programa de edição.

 

No segundo tutorial, vemos Steve Martin explorando as melhores maneiras de utilizar os recursos do efeito Ken Burns do FCPX, que produz combinações de pan e zoom com ajustes de modo intuitivo. Para obter os melhores resultados, Steve mostra como usar estratégias de divisão dos clipes de imagem estática na timeline junto com aplicações de quadros congelados.

 

No terceiro tutorial, seguindo essa série de dicas para trabalhar com imagens estáticas, Steve Martin retorna ao tema do trabalho com arquivos Photoshop de múltiplas camadas, mas dessa vez juntando com o efeito Ken Burns, assunto do tutorial anterior, e um efeito Blur. A técnica chama atenção por produzir resultados sofisticados de forma rápida e simples.

 

Em outro tema muito explorado pela dupla do MacBreak Studio, no quarto tutorial, Steve Martin volta a falar do recurso Multicam do FCPX. No caso, ele utiliza o exemplo de edição de um clip musical gravado com três iPads registrando uma performance de seus próprios filhos.

Apesar do exemplo “caseiro”, as técnicas utilizadas pelo “pai-coruja” mostram todo o potencial do programa para trabalhos profissionais com cortes dos angulos de camera em tempo real de modo, como ele mesmo diz. “assustadoramente fácil”. Depois do primeiro corte pronto, Steve ainda explica como fazer ajustes igualmente simples para trocar angulos e fazer acertos no corte.

 

No quinto e ultimo tutorial desse post, Steve mostra como acelerar a organização de material no FCPX  utilizando recursos de organização dos clipes com alterações de datas da criação do conteúdo e técnicas de aplicação de palavras-chave com atalhos de teclado super rápidas.

 

Assista outros tutoriais em vídeo do FCPX publicados no nosso blog clicando aqui. Para pacotes de treinamento mais completos do programa com a dupla do Macbreak Studio, acesse o site da Ripple Training.

Gostou do artigo ?

Inscreva-se em nossa Newsletter para receber as atualizações do VideoGuru.

Artigos relacionados

A versão 10.1 do Final Cut Pro X mudou completamente a estrutura de organização de arquivos do programa. Isso significa que a forma de trabalhar se modificou em vários aspectos para os quais você precisa estar atento. E para ajudar...

Tanto a Range Tool como o Shape Masks podem ser consideradas ferramentas super úteis, que todo mundo conhece e sabe para que serve, mas nem sempre sabe como tirar o melhor proveito delas. Nesse caso, nada como um guru...
16 comentários Nesse post
  1. Boa gente. Legal os tutoriais. Alguém tem notícia quando sairá o FCPX 10.0.9 ou 10.1? Ainda falta muito pra ser um programa profissional.

    • Não há nenhuma informação oficial sobre isso, mas eu imagino que deva sair, provavelmente, junto com o novo Mac Pro, uma vez que necessariamente terá de haver uma atualização para funcionar com placas gráficas multiprocessadas. Não se pode dizer que o FCPX seja hoje um programa amadurecido, mas essa história de que ele não pode ainda ser considerado um programa profissional já está totalmente superada.

  2. Eu queria saber porque animaçoes geradas no After Effects CC, com canal alpha, simplesmente não são lidas pelo FCP X. Minha versão é a 10.0.6 e estou gerando rgb + Alpha, como manda o figurino. Antes eu não tinha problemas agora tá dificil, porque nem sequence TGA o FCP X interpreta como sequencia. Alguma sugestão?

        • Aí está o problema, para trabalhar em ProRes com canal alpha, use o codec ProRes 4444. Você até pode usar o codec Animation, mas ele vai tocar pior. E não esqueça de habiltar a opção RGB+Alpha nos ajustes do módulo de saída do painel Render Queue no After Effects.

  3. Ola João… o que fazer com as artes geradas com canal alfa que eram reconhecidos no FCP7 e não estão sendo reconhecidos no FCPX? Há algo para habilitar? Adianto que não tem como refazer essas animações no after. Alguma solução?

    • Carla, o Final Cut Pro X também oferece suporte para arquivos .psd e .png com canal alpha. Não é preciso fazer nada além de importar o arquivo para um evento e aplicar em um projeto.

      • Trata-se de animações que eram usadas no FCP7 sem problemas. Agora q migramos para o FCPX ele não reconhece o alpha.

        • Carla, o FCPX reconhece os arquivos QuickTime com canal alpha automaticamente sem nenhum problema. Deve haver algo errado com o render desses arquivos. Se você está trabalhando no After Effects, não esqueça de habilitar a opção RGB+Alpha no Output Module e escolher um codec que seja compatível com canal alpha como o Animation ou o ProRes 4444.

Deixa seu comentário

GALERIA

1 5129

A interação entre ação viva e animação tem sido explorada ao longo da história do cinema, com muitos exemplos dos estúdios Disney e o inesquecível "Uma Cilada para Roger Rabbit", dirigido por Robert Zemeckis. O resultado, em geral, é estimulante. Pensando bem, a idéia...
8 5588

Esse vídeo fantástico, feito na Rússia para o lançamento de um projeto imobiliário, foge totalmente dos padrões tradicionais e utiliza a fantasia, com imagens incríveis, no lugar do uso tradicional de plantas e animações dos prédios em computação gráfica....
1 6250

Há algum tempo, publicamos um post com um vídeo do editor Piu Gomes, criado para responder a essa pergunta essencial para quem quer entender a linguagem audiovisual: o que é montagem? Também publicamos, há mais tempo ainda, outro post chamado...