Home Tutoriais Motion Cinco vezes Motion

Cinco vezes Motion

Nesse post, é a vez do Motion ganhar um super combo de cinco tutoriais em vídeo com técnicas e dicas que mostram como programa da Apple pode se encaixar bem em diversos tipos de trabalhos.

O Motion, que hoje serve para criar e editar efeitos, geradores, titulos, transições e temas para o Final Cut Pro X, trata-se originalmente de um poderoso aplicativo específico para motion graphics, com diferenciais muito interessantes.

Todos os tutoriais do Motion apresentados nesse post, como de hábito aqui no Videoguru, reproduzem episódios da série MacBreak Studio, apresentados por Mark Spencer, tendo ao lado Steve Martin.

O primeiro tutorial mostra como criar o célebre e muito utilizado zoom sobre imagens de satélite, saindo do globo terrestre e chegando até uma localidade no mapa. As dicas vão desde como captar as imagens pelo Goolgle Earth até a composição e animação das imagens das fotos de satélite, incluindo máscaras e dicas de alinhamento. Super útil.

 

Lembra daquele jogo de criar desenhos em espiral super famoso, chamado Spirograph? No segundo tutorial, Mark Spencer mostra como produzir o mesmo resultado no Motion. As técnicas demonstradas envolvem operações geométricas articuladas com emissores de partícula e behaviours. No final, Mark ainda explica como fazer o desenho no espaço tridimensional.

 

O efeito “shatter”, que faz a imagem se despedaçar em várias partes, é bem popular. O After Effects conta com o recurso na forma de plugin. Mark explica como produzir o efeito manualmente no Motion de maneira controlada, inclusive manipulando as partes no espaço 3D, com destaque para o uso do recurso de clonagem de camadas e grupos.

 

Muitas vez, o trabalho com motion graphics implica em produzir caminhos de movimento a partir de formas gráficas como, por exemplo, ondas  senoides. Spencer mostra, no próximo tutorial, diversas maneiras de gerar movimentos senoides usando recursos tais como behaviours e replicators nos espaços 2D e 3D.

 

No último tutoria desse post, Mark demonstra uma forma de produzir um efeito de dispersão de particulas formando um texto. As técnicas incluem, uma vez mais, replicators e behaviours, com várias alternativas de resultados de dispersão. Os caras do MacBreak Studio são realmente ultra espontâneos, e não perdem a pose, mesmo quando o celular de Steve toca inadvertidamente no meio da gravação.

 

Acesse todo os tutoriais do Macbreak Studio sobre o Motion armazenados numa categoria própria do nosso menu principal. Se você estiver interessado em pacotes completos de treinamento do programa da Apple com a chancela de Mark e Steve, acesse o site da Ripple Training.

Gostou do artigo ?

Inscreva-se em nossa Newsletter para receber as atualizações do VideoGuru.

Artigos relacionados
0 2248

Além de funcionar atualmente como uma fábrica ou oficina de efeitos do Final Cut Pro X, o Motion representa uma das melhores alternativas para trabalhar com motion graphics. E por esse motivo, compartilhamos todos os tutoriais em vídeo sobre...
0 1705

Atualmente, o Motion é praticamente o único programa de motion graphics que oferece uma alternativa ao After Effects na plataforma Mac. Apesar da sua qualidade excepcional, custa apenas US$50 dólares na App Store. Vale a pena aprender a usá-lo,...

Deixa seu comentário

GALERIA

1 5264

A interação entre ação viva e animação tem sido explorada ao longo da história do cinema, com muitos exemplos dos estúdios Disney e o inesquecível "Uma Cilada para Roger Rabbit", dirigido por Robert Zemeckis. O resultado, em geral, é estimulante. Pensando bem, a idéia...
8 5754

Esse vídeo fantástico, feito na Rússia para o lançamento de um projeto imobiliário, foge totalmente dos padrões tradicionais e utiliza a fantasia, com imagens incríveis, no lugar do uso tradicional de plantas e animações dos prédios em computação gráfica....
1 6419

Há algum tempo, publicamos um post com um vídeo do editor Piu Gomes, criado para responder a essa pergunta essencial para quem quer entender a linguagem audiovisual: o que é montagem? Também publicamos, há mais tempo ainda, outro post chamado...